Quem sou eu

São Paulo, SP, Brazil
A Cia. Encena vem desenvolvendo desde sua fundação em 1997, um trabalho que visa estudar e analisar o Homem dentro de um contexto social e político em diferentes fases da história. Buscamos um teatro onde o espectador se divirta; se emocione; reflita; identifique o meio em que vive ou viveram seus antepassados; compreenda a si e a seus semelhantes e tenha por fim, a esperança e a crença de que ele pode e deve melhorar o mundo. Contato: encenaproducoesartistica@gmail.com e https://www.facebook.com/encena.ciadeteatro Endereço: Rua Sgto Estanislau Cústodio, 130 Jd Jussara Vila Sonia Telefones: 2867-4746 (fixo) e 98336-0546 (Tim)

sábado, 14 de novembro de 2009

Jingle Bells!! jingle bells, la la la la!!!!





































Hoje o dia começou com a frase: "o ator é um operário da arte!" dita enfáticamente pela colega Lourdes Bastos no ensaio dos "Ossos do Barão".
Hoje estréia a peça "Jingle Bells" do Claudio Simões" produção capitaneada pelas operárias Flávia D´Álima e suas escudeiras Lídia Sant´Anna e Thânia Rocha. Produto de muita batalha
A peça está Linda!
Quando lemos esse texto há alguns anos, gostamos de cara do humor pesado e quase grotesco do autor bahiano.
As meninas estão lindas e conseguiram com muito êxito colocar essa escola na avenida e olha que colocar um espetáculo em cena não é tarefa das mais fáceis. Só por isso merecem nosso respeito e minha admiração.
A peça está bonita e isso é o primeiro passo!
O visual está alegre, cenário aconchegante, figurinos de acordo (esse item é meio cabrito eu dizer qualquer coisa, uma vez que dei consultoria. Mas vale ressaltar que a atriz produtora e quase tudo, D´Álima, deu a última palavra. Então vale o elogio!) e o Roberto!
A única ressalva que faço é pra trilha que as vezes destoa e parece descolada das cenas.
A miss D´Álima está muito bem e enche os olhos vê-la desfilar sua Elisa tresloucada de solidão. A Flávia é uma dessas atrizes que transpira beleza e sensualidade em cena, mesmo com um pacote de fralda geriatrica usada nas mãos! Está segura e completa.
Lídia e Thania também não deixam a desejar e seguram suas cenas com ritmo, aptidão e vontade. Estão inteiras em seus pápeis. Um detalhe aqui e outro ali não as desetabilizam. Estão jogando um bolão.
Palmas, vivas e sucesso a essas três guerreiras!!
E que esse natal seja repleto de alegria e sacos de dinheiro que ninguém é ferro!!!

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

PROGRAMAÇÃO

NOVEMBRO

QUINTA-FEIRA






















SEXTA-FEIRA

SABADO

Espaço de Cultura Encena
Rua: Sargento Estanislau Custódio, 130
Butantã

domingo, 8 de novembro de 2009

"O barão" está chegando!!!

Segue algumas imagens dos nossos cansativos, mas gratificantes ensaios!!





A primeira pergunta que se ouviu quando o Orias resolveru montar a peça do Jorge Andrade foi: - Por que montar essa peça?
- Porque eu gosto!

É um bom motivo pra se começar a querer montar um espetáculo! As outras motivações vem sempre depois, e teatro é preciso gostar, amar.
É muito trabalho, muito sacrificio, muitas repetições.
Muita coisa engraçada, muito loucura, muita bobagem... é suor e lágrima!
Nessa montagem encontramos alguns novos colegas.
Pessoas maravilhosas que só o teatro coloca em nossas vidas.
Primeiro veio a Debora Muniz com sua força, personalidade a se juntar nessa jornada; depois encontramos a Dora Copolla no teste que precisamos fazer depois que tivemos uma desistência no elenco; A Sylvia Malena nos encontrou depois que nós tinhamos desistido de encontrá-la; A Lourdes Bastos e O Roberto (esqueci o sobrenome dele!!!) chegaram a pouco tempo, espero que eles estejam gostando da estada. Nós estamos!
A Dani, O Cadu, O Orias, Jacintho, Zu também estão no elenco.
A Ana, O Wagner e eu(Walter) completamos a equipe do espetáculo.
Wl.